quinta-feira, 26 de abril de 2018

Viver com pouco # 4 - Desafio financeiro


O mês de Abril foi marcado por uma reflexão sobre a melhor forma de gerir o dinheiro que tenho para o mês, o meu calcanhar de Aquiles nesta coisa da gestão orçamental.
E foi em mais um desabafo meu sobre isto, que em conversa nos comentários com A teia dos 20 mas x surgiu a proposta de em Maio fazermos um desafio financeiro, que prontamente aceitei.

Transcrevo as regras...
"- Fazer o orçamento apenas com as obrigações financeiras mensais (aquelas contas que somos MESMO obrigados a pagar p.e. casa, agua, alimentação, telefone). E juntar nessas obrigações um valor de poupança (o que normalmente já poupares, P.e.).
- Levantar um montante para andar contigo p/ gastos diários, p.e. um cafezinho (eu, levantei 30).
- Se sobrar dinheiro, por pouco que seja, não mexer nele.

- A REGRA MAIOR, será mesmo, pagar em Abril
(no meu caso será Maio) apenas o que é obrigação, sem gastar nada fora disso, e ver como resulta.

Porque mesmo incluindo em gastos obrigatórios um valor de poupança (eu faço sempre isso, para assumir que aquele valor não existe), não gastando o que sobra do que é obrigatório pagar, no dia 30 de Abril conseguiremos juntar + ao valor da poupança.

Eu acredito que consigo passar um mês sem os bolos da pastelaria, ou um livro novo, ou uns brincos, ou umas gomas, ou um impulso qualquer de investimento grande.

E os gastos obrigatórios que defini foram:
- combustível
- Contas de casa (dou sempre um montante fixo p/ gerirem nas contas de casa)
- Telemóvel
- Seg. automóvel (divido por 12 meses, e em cada mês coloco x)
- valor para fruta, produtos de higiene e produtos alimentares para casa;
- Valor de poupança

Levantei 30€ para andarem comigo. O resto está quieto na conta. O mês iniciou esta semana é certo. Mas acho que se consegue."


Posto isto aqui fica o meu orçamento para Maio:
 Despesas obrigatórias (que correspondem a cerca de 55% do meu vencimento):
 - dívida
 - seguro de vida
 - telemóvel

a que acresce o valor da poupança (que corresponde a 20% do meu vencimento).

Sobra-me cerca de 25% e é esse valor que eu tenho para gerir durante o mês. É esse sobre como gerir esse valor que os meus "problemas" recaem.

Em Maio, para tentar controlar melhor este dinheiro optei por levantar 30€ que vou usar para lazer (pró bolito, pró geladito, pró passeio... para gozar a vida).

O valor que restou ficará na conta e a ideia é não mexer nele, excepto para pagar a anuidade, para pagar uns exames médicos que já tenho marcados e para comprar as peças de roupa/calçado do mês. Aliás, a ideia é aumentar o valor disponíveis para resolver esse problema. Não gastar dinheiro em miudezas que não me servem de nada e alocar o valor para comprar a roupa e o calçado que tanta falta me fazem.

No fim de Maio cá estarei para dar conta de como correu o desafio!

2 comentários:

  1. Fico feliz por ires aplicar o meu desafio :)
    Espero sinceramente que dê bons resultados :)
    Vou andar por aqui a acompanhar heheh beijinho

    ResponderEliminar