sexta-feira, 13 de novembro de 2020

A praia das pétalas de rosa | Dorothy Koomson


 

Sinopse:

Todas as histórias de amor sofrem reviravoltas.

Depois de quinze anos de um grande amor e um casamento perfeito, Scott, marido de Tamia, é acusado de algo impensável.

De repente, tudo aquilo em que Tamia acreditava - amizade, família, amor e intimidade - parece não ter qualquer valor. Ela não sabe em quem confiar, nem sonha o que o futuro lhe reserva.

Então, uma estranha chega à cidade, para lançar pétalas de rosas ao mar, em memória de alguém muito querido e há muito perdido. Esta mulher transporta consigo verdades chocantes que transformarão as vidas de todos, incluindo Tamia que será obrigada a fazer a mais dolorosa das escolhas…

O que estaria disposta a fazer para salvar a sua família?


A minha opinião...

Eu tenho uma relação de amor-ódio com esta autora. Se por um lado adoro os seus livros, porque são muito reais, por outro odeio porque a grande maioria das vezes são histórias com uma grande carga dramática.

Como já aqui referi que uso a leitura como forma de aprendizagem e lazer. Para mim ler é esquecer por momentos os problemas da vida. Ora livros com uma grande carga dramática têm muitas vezes o condão de me pôr a pensar ainda mais nos problemas. Daí eu preferir aventura, ação, romance, comédia.

Mas ao mesmo tempo considero estes livros úteis para nos fazerem descer à terra.

E vocês gostam deste tipo de livros?

Sem comentários:

Publicar um comentário