terça-feira, 24 de novembro de 2020

diário financeiro # 2: Você está aqui!


 

Sabem quando olham para um mapa à procura de direções e encontram sempre um sinal que diz: Você está aqui!?

Pois bem foi numa situação destas que tive uma epifania financeira: e se nós víssemos a vida como um mapa cheio de hipóteses (caminhos) para chegar ao nosso destino (objetivos financeiros)?

Assim seguindo esta lógica um dos primeiros passos que temos de dar é reconhecer onde estamos.

E este foi o primeiro exercício que fiz: uma avaliação profunda de como está a minha vida financeira, quais são as minhas despesas atuais, as minhas necessidades, como vai o meu desperdício, como vai poupança, como é atualmente o meu lifestyle...

Isto levou-me a refletir sobre o que eu  havia idealizado, o que consegui e o que eu quero para o meu futuro.

E um truque que eu usei foi colocar tudo no papel. Assim torna a coisa mais realista.

Outra coisa que eu fiz foi permitir dar-me tempo. Tempo para parar, tempo para refletir, tempo para aceitar, tempo para experimentar, tempo para mudar... E está tudo bem levar o meu tempo. É normal.

Tudo tem o seu tempo para acontecer. Da mesma forma que está tudo bem mudar. Avançar e retroceder. É normal. Significa que evoluímos. Que aprendemos. Que crescemos.

E tem sido assim que tenho vindo a criar o primeiro capítulo do meu diário financeiro. Inteiramente dedicado à avaliação da minha vida. 

Não é nada definitivo. Está sempre em atualização. Por isso anda sempre comigo. :-)



Sem comentários:

Publicar um comentário